Documento composto MEC - Entrevista a Maria Emília Reis Castro

Zona da identificação

Código de referência

PT / CGTPIN / CGTPIN / CAD / 001 / 001 / MEC

Título

Entrevista a Maria Emília Reis Castro

Data(s)

Nível de descrição

Documento composto

Dimensão e suporte

01'51''38''' (17,2 GB); suporte digital; 32 p.; papel.

Zona do contexto

História custodial e arquivística

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Zona do conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Composto pela gravação audiovisual da entrevista e a respectiva transcrição.. A transcrição tem a seguinte referência: Maria Emília Reis Castro (Depoimento: Porto, 22 de Junho de 2010). Lisboa: CGTP-IN – CAD, 2010, 32 p. [dat.]. [Castro, 2010: 3-32].. . Sumário da entrevista:. A organização das trabalhadoras da indústria do vestuário na empresa ROLSOL (1970 a 1974).. As organizações católicas (JOC e CCO) e a formação do movimento operário.. O 25 de Abril e a organização do movimento do Sindicato do Vestuário do Distrito do Porto: a implantação no terreno – uma organização de base.. A difícil negociação do Contrato Colectivo de Trabalho.. As Comissões de Trabalhadores: controlo operário; controlo de produção; e comissões inter-empresas (a 4 de Abril de 1975, os trabalhadores da ROLSOL – Confecções e Exportações ocupam as instalações e elegem uma comissão de gestão devido à fuga da administração).. A questão da unidade e unicidade.. A violência e a perseguição: os sindicatos da Intersindical no Porto durante o Verão Quente.. A diversidade e autonomia na Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores Têxteis, Lanifícios, Vestuário, Calçado e Peles de Portugal (FESETE).. O Sindicato de Vestuário do Distrito do Porto..

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de organização

Zona das condições de acesso e utilização

Condições de acesso

O acesso ao conteúdo integral da gravação audiovisual da entrevista, bem como à respectiva transcrição (editada), deverá ser feito no Centro de Arquivo e Documentação da CGTP-IN.

Condiçoes de reprodução

Proibida a publicação, no todo ou em parte, da entrevista (gravação audiovisual e transcrição). É permitida a citação. A citação deve ser textual, com indicação de fonte.

Idioma da unidade de descrição

  • português

Escrita da unidade de descrição

Notas ao idioma e escrita

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Zona da documentação associada

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Nota

Entrevistadora: Sílvia Correia . Transcrição: Inês Brasão . Técnico de gravação: Mário Rui de Melo (Formiga Amarela, Oficina de Textos e Ideias, Lda.) . Local: residência, Porto

Identificador(es) alternativo(s)

Pontos de acesso

Pontos de acesso - Tipologias documentais

Identificador da descrição

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Estatuto

Revista

Nível de detalhe

Parcial

Datas de criação, revisão, eliminação

Criado em 2011-02-04.. Revisto em 2014-03-27.

Idioma(s)

Escrita(s)

Fontes

Objecto digital (Matriz) zona de direitos

Objecto digital (Referência) zona de direitos

Objecto digital (Ícone) zona de direitos

Zona da incorporação

Géneros relacionados